Números "críticos" 21/10/2020 22:15 Geração Benfica

    12 anos de actividade em defesa do SL Benfica.


    11498 textos publicados. 

    438622 comentários aos textos.

    Mais de 60 milhões de visitas.

    Quando os "críticos" armados em imparciais quiserem falar em publicações sobre o SL Benfica, é melhor pensarem novamente.

    Nós no NGB nunca fomos nem seremos imparciais quando toca ao SL Benfica.

    Pensamos pela nossa cabeça e isso custa muito aos "imparciais travestidos de cordeiros".

    Não estamos cá para gostarem mais ou menos do que escrevemos. Nem vamos atrás de modas, de clickbaits ou de grupos de fãs de candidatos.

    Por isso é que em 12 anos o único anúncio que existe nesta página é um link para se fazerem sócios do SL Benfica.

    Seja o Guerra, o Marinho, o Bernardo, o Janela, o Manha ou qualquer outro cartilheiro de cara vermelha, aqui terão sempre azar.

    Vieiristas, Noronhistas, Gomes Silvistas ou outros adeptos do fanatismo e adoração por pessoas e não pelo clube terão sempre aqui um local de oposição.

    Aqui não se lava a imagem de ninguém nem se mente aos benfiquistas.

    O nosso foco é e será defender o SL Benfica de todos os que se querem aproveitar do clube.

    No dia 30, é o momento de devolver o Benfica aos benfiquistas e de desejar a LFV uma boa reforma... 21/10/2020 18:08 O Belo Voar da Águia

    Muito se tem dito e escrito sobre as eleições do Benfica. 

    Sendo a maior instituição do país, tal não surpreende, levando a inúmeras teses, mais ou menos apaixonadas, sobre quem os benfiquistas gostariam que liderasse os destino do Glorioso entre 2020 e 2024.

    Não pretendo que este texto seja mais um longo artigo onde se escalpelizem os 17 anos de Luís Filipe Vieira à frente do Benfica, até porque no dia 30 não é isso que os benfiquistas vão julgar!


    Temos tido oportunidade de ler inúmeros artigos onde isso é feito, divergindo as conclusões entre os mais fervorosos apoiantes de LFV (muitos que o acham o melhor Presidente da nossa centenária história) e os críticos mais acérrimos (muitos considerando tratar-se de um dos piores…).


    Este texto pretende pois, fazer uma análise mais directa e objectiva, sobre aquilo que, na minha opinião, estará em jogo no dia 30 de Outubro: a avaliação dos últimos 4 anos de LFV e a expectativa para o que eventualmente possam ser os próximos 4…


    Tenho assistido, um pouco por todo o lado, a uma discussão centrada no legado de Luís Filipe Vieira, como se no dia 30 se fosse sufragar todo o trabalho dele na presidência do Benfica. Como consequência lá vêm os habituais chavões, repetidos até à exaustão, das “pedras da calçada”, de não haver dinheiro para “papel higiénico”, da obra feita no Estádio e no Seixal (entre outras). Isso é, na minha opinião, um erro de análise, senão vejamos:


    Luís Filipe Vieira foi eleito sucessivamente para os seguintes mandatos:


    - 2003/2006

    - 2006/2009

    - 2009/2012

    - 2012/2016 e,

    - 2016/2020.


    Foi sufragado/"julgado" em cada um desses actos eleitorais pelo trabalho desenvolvido nos mandatos respectivos (ou pela expectativa criada no programa apresentado).


    Eu próprio, faço a minha declaração de interesses: votei em Luís Filipe Vieira nas eleições de 2012, votando depois em branco em 2016, tendo sempre presente esses mesmos princípios (trabalho desenvolvido versus projecto apresentado).


    Assim, parece-me claro que as eleições devem servir para fazer balanço do mandato anterior e simultaneamente sufragar o projecto/programa que deve dirigir o clube nos próximos 4 anos. 


    Que me lembre, o Estádio e o Seixal (bem como outras obras importantes) não foram feitos no mandato anterior. Essas obras foram avaliadas e consideradas em eleições anteriores e os sócios entenderam (como eu próprio fiz, em 2012) reconhecer o trabalho de Vieira dando-lhe a vitória. 


    Nas eleições de 30 de outubro, vamos julgar os últimos 4 anos e os programas das várias candidaturas.


    Partindo deste princípio, importa então esmiuçar o que foi o mandato de 2016/2020 nas vertentes desportiva (futebol e principais modalidades) e financeira.


    Ora, na minha opinião, esses 4 anos foram um desastre, analisando a conjuntura em cada momento. Quero com isto dizer que, provavelmente, houve muitos momentos da nossa história em que não ganhámos o mesmo número de títulos dos últimos 4 anos, mas muito provavelmente, em nenhum outro momento da mesma história tivemos a saúde financeira apresentada nestes exercícios.


    E considero que este mandato foi um desastre porquê? 


    Porque no futebol, disputámos 4 campeonatos (2 títulos ganhos mais por demérito do FCP do que por mérito do SLB, 2 títulos entregues ao mesmo FCP - abdicando do penta deliberadamente em 2017/18 (vendeu metade dos titulares e investiu 9M €...) - só isso devia dar prisão!!!. Investindo uma pequena parte dos lucros desse ano, teria reforçado a equipa e hoje estaríamos provavelmente a festejar o 7º campeonato consecutivo, com os principais adversários mergulhados em crises e frustrações.


    Na Europa, a vergonha ano após ano, humilhações umas atrás das outras (0 pts na LC, goleadas dos colossos Basileias e afins). Isto no futebol, porque a análise tem que ser mais abrangente à parte económica e financeira, por exemplo a entrega da BTV à NOS ou a antecipação de 130 M€ de receitas televisivas futuras (que não se compreende se a saúde financeira do clube for tão boa como apregoam)...).


    No futebol, não considerando a Europa, disputámos 14 títulos, conquistando apenas 5 (muito longe da propagandeada hegemonia...).



    Nas 5 principais modalidades de pavilhão, disputámos 30 títulos (apenas entre campeonatos e taças de Portugal e não contabilizando a época passada devido ao covid), conquistando apenas 9...




    Relativamente aos saldos de transferências, efectivamente nunca como neste mandato o clube teve tantos lucros e tão bons resultados financeiros:




    Fazendo o balanço do mandato 2016/2020, parece-me lógico que os benfiquistas não devem dar o seu voto a Luís Filipe Vieira. É esse o julgamento que vou fazer no dia 30 e que espero que os benfiquistas esmagadoramente façam. Vieira é passado, não pode ser futuro!  .


    Fez um trabalho meritório no que diz respeito ao património do clube, mas desportivamente tem sido um desastre, permitindo o ressuscitar do FC Porto em 2018 (e com isso a dobradinha azul de 2019/20, com mais de 100 Milhões de euros em receitas directas da Liga dos Campeões).


    Nos últimos 4 anos, o Benfica ganhou 2 campeonatos (um por demérito de Nuno Espírito Santo e outro um milagre único e irrepetível por parte de Bruno Lage), 1 Taça de Portugal e acumulou vergonhas europeias umas atrás das outras (destaco apenas as 6 derrotas na Liga dos Campeões - pior prestação de sempre de uma equipa portuguesa, a goleada 0-5 em Basileia e a eliminação já esta época aos pés do PAOK na pré-eliminatória), evidenciando uma clara falta de política desportiva e até alguma bipolaridade.


    Tão depressa se mandou embora um treinador que não ligava nenhuma ao Seixal, como se apostou cegamente em treinadores "yes-man" que faziam tudo o que Vieira queria e só viam o Seixal, para, por fim e em desespero, com as eleições à vista, ressuscitar o traidor Jesus (traidor não por ter ido para o Sporting, onde era meu desejo que ainda hoje estivesse, mas sim por ter levado a Bruno de Carvalho a história dos vouchers e ter contribuído para a mais suja e nojenta campanha alguma vez feita neste país contra uma instituição).


    LFV assume pela prática, a sobreposição do negócio à vertente desportiva, sendo que eu continuo a defender como já aqui escrevi, que são as vitórias e os títulos que nos vão permitir ter mais receitas a todos os níveis (bilheteira, TV´s, merchandising, venda de jogadores, etc…) e não o inverso, como muitos clubes no mundo nos demonstram.


    LFV é um Presidente que diz que decide sozinho e com base em luzes (como na rábula da manutenção momentânea de Rui Vitória), sendo para mim imperdoável que tenha abdicado de dar um xeque-mate aos rivais na época 2017/18 (em que, recorde-se, tivemos um saldo positivo de 127,25M€).


    Podíamos estar tranquilamente hoje a festejar o heptacampeonato, a passear a caminho do octa, e em vez disso perdemos 2 nos últimos 3 para um clube intervencionado pela UEFA, sendo ao mesmo tempo humilhado ano após ano por essa Europa fora.


    É também lamentável a forma como o Benfica se posiciona sempre que estão em causa eleições para a Federação Portuguesa de Futebol (onde está há largos anos Fernando "facturas do apito dourado" Gomes) ou para a Liga de Clubes (inenarrável a forma como foi "comido" mais uma vez por Pinto da Costa nas últimas eleições, como o próprio assumiu na última entrevista).


    O futebol português está hoje completamente controlado pelo FC Porto, bem ao estilo dos naos 90. Fernando Gomes na FPF, Pedro Proença (ele próprio que dentro de campo deu alguns campeonatos ao FCP) na Liga de Clubes. A arbitragem nas mãos de Fontelas Gomes que, com a ajuda do surreal VAR, vai dando as ajudas extra que o FCP vai precisando.


    Perante tudo isto, LFV mantém-se mudo e inactivo, não parecendo ter aprendido nada em 17 anos de Presidência...


    O Benfica precisa, na minha opinião, de um projecto assente no sucesso desportivo, ao mesmo tempo que potencie as infraestruturas criadas (sim, por LFV...).  


    Só assim estaremos conseguiremos ganhar mais vezes que os adversários!


    São as vitórias dentro do campo que geram receitas para mais vitórias!


    LFV provou que não sabe gerir a parte desportiva, navega à vista e demonstra muitas vezes desnorte e até bipolaridade (visível na aposta de treinadores com filosofias tão diferentes como JJ versus RV e BL).


    Mesmo na vertente económica e financeira, não obstante os mais de 400 milhões de lucros neste mandato, fica por explicar (de forma ainda mais gritante) porque é que o Benfica antecipou receitas da NOS:


    https://maisfutebol.iol.pt/contrato/liga/benfica-ja-adiantou-metade-dos-valores-a-receber-da-nos


    Feitas as contas o Benfica recebeu no total 129,8 milhões (estavam contratualizados 163,7 milhões, o que significa que a SAD encarnada perdeu com o adiantamento 33,9 milhões), de receitas contratualizadas até 2026.


    Qual a necessidade de antecipar mais de 100 Milhões de euros de receitas futuras (hipotecando a liberdade e a acção das futuras direcções), perante tantos milhões de lucro no saldo de transferências???


    Isto num momento em que se batem recordes de receitas, o que indicia que a tão propalada saúde financeira não será tão boa quanto nos querem fazer crer. Ao mesmo tempo é uma opção que limita fortemente a acção das futuras direcções que se vêem privadas de uma verba considerável de uma das principais fontes de receita. 


    Muito havia a dizer também sobre o atentado à história do clube como é o caso do emblema monocromático, mas esse será tema para outro dia.


    Por tudo isso, por aquilo que foram os últimos 4 anos e pelo que podem ser os próximos 4, é preciso devolver o Benfica aos benfiquistas, é fundamental um projecto assente no sucesso desportivo e como tal, no próximo dia 30, eu voto João Noronha Lopes! 


    P.S. - É lamentável que os benfiquistas não possam assistir a um debate entre os candidatos à presidência do seu clube, nem mesmo no seu canal: a BTV.


    É também uma marca negra que rompe com uma história democrática naquela que é, talvez, a única instituição que manteve eleições livres nos longos anos fascistas em Portugal!



    Rui Gomes da Silva e Noronha Lopes lutaram pelo futuro do Benfica, muito antes de Luis Filipe Vieira ! 21/10/2020 14:36 O Benfica sou eu

     


    O "Movimento Servir o Benfica" foi uma boa supresa nestas eleições. 

    Foi uma boa surpresa pelo maravilhoso programa que apresentou, foi uma boa surpresa pelos textos sempre clarividentes com que  foram colocando as suas ideias em prol do Benfica e foi uma boa surpresa porque souberam juntar esforços com uma candidatura com mais visibilidade, incorporando as suas ideias numa outra lista e o seu candidato como presidente da assembleia geral do Benfica da outra candidatura. 

    Na prática, se Noronha Lopes ganhar as eleições, será Benitez e o seu "Movimento Servir o Benfica" que vai liderar as assembleias gerais do nosso clube garantindo que os sócios serão sempre o mais importante. 

    Sendo assim, temos neste momento "Noronha Lopes + Movimento servir o Benfica" numa lista, temos Rui Gomes da Silva noutra lista que foi apresentada ontem e temos Bruno Costa Carvalho numa outra candidatura também apresentada ontem. 

    São três listas com pontos fortes e pontos fracos, mas são três listas com pessoas que já passaram pelas eleições do Benfica antes. 

    Não há aqui ninguém novo nestas lides e não vale a pena a candidatura de Luis Filipe Vieira ou ele próprio, falar de "inexperiências", "Caos a seguir a ele", "novos aventureiros" ou "novos Vales e Azevedos".


    Comecemos por  Rui Gomes da Silva

    Estive a seu lado em 1997 quando apoiei Luis Tadeu, naquele que a meu ver teria sido a candidatura que melhor ia personificar o futuro do Benfica, ainda no século passado. 

    Rui Gomes da Silva era candidato nesta lista e Luis Tadeu teve 46,9% dos votosAbilio Rodrigues teve 1,5% e Vale e Azevedo ganhou para mal dos nossos pecados com 51,5%

    Lembro-me bem desse 31 de Outubro de 1997 e foi a primeira grande derrota eleitoral que viria a marcar definitivamente o nosso clube. 

    Rui Gomes da Silva esteve na lista de Luis Tadeu, ainda Luis Filipe Vieira estava no Alverca

    Lembro que Luis Filipe Vieira esteve como presidente do Alverca desde 1991 e foi eleito pela ultima vez a 16 de Fevereiro de 2000 para um mandato de dois anos que interrompeu para ir para a SAD do Benfica.

     Lembro as palavras de Luis Filipe Vieira no dia em que foi eleito como presidente do Alverca retiradas duma notícia do Record :

    "Luís Filipe Vieira prometeu para breve a inauguração do pavilhão e salientou que o próximo passo é a "construção do Centro de Estágio da equipa de futebol."

    Isto para dizer que ainda Luis Filipe Vieira não sabia se iria apostar a sua vida no Benfica ou no FCPorto e já Rui Gomes da Silva com 39 anos, andava em 1997 nas lutas pelo melhor para o Benfica

    Mas o que é interessante é que Luis Filipe Vieira disse finalmente na RTP este último domingo no programa "Trio de Ataque", que em 2000 ele queria ser candidato a presidente do Benfica

    Essa história é conhecida pelo lado de Vilarinho mas só esta semana ouvimos de viva voz, Luis Filipe Vieira contar que poucos meses depois de ter sido eleito para dois anos como presidente do Alverca e poucos meses depois de ter prometido um pavilhão e um centro de estágios para a equipa de futebol (já se nota que a obsessão pelo betão vem de trás) a sua ideia era concorrer em Outubro de 2000 a presidente do Benfica. 

    Já que se fala de Vilarinho, vamos então falar de Noronha Lopes

    Com 33 anosNoronha Lopes foi juntamente com um grupo de adeptos do Benfica, convidar Manuel Vilarinho a concorrer contra Vale e Azevedo

    E já nessa altura se sabia que Luis Filipe Vieira queria ser candidato, mas também se sabia que "o presidente do Alverca nunca ganharia a Vale e Azevedo", como também se sabia que não se ganharia as eleições ao presidente que na altura ia rebentando com o nosso clube, com três candidaturas

    Então é bom que Luis Filipe Vieira e os seus apoiantes não venham perguntar a Noronha Lopes onde estava, quando o Benfica mais precisava dele?

    Noronha Lopes estava na lista de Manuel Vilarinho e eu também andei em jantares e em campanha para derrotar o maior cancro que alguma vez entrou no Benfica

    Foi Vilarinho que numa conversa que agora se tornou pública, falou com Luis Filipe Vieira e o convenceu a desistir da sua candidatura, dizendo-lhe que seria melhor Vilarinho ganhar as eleições e depois Luis Filipe Vieira entrar na SAD o que aconteceu em Maio de 2001. Luis Filipe Vieira aliás entra na SAD do Benfica em Maio de 2001 mas ficou como presidente do Alverca por mais tempo acumulando esse cargo com o cargo de director para o futebol da SAD no Benfica. 

    Em Junho de 2001 Luis Filipe Vieira sai da SAD do Alverca e diz "que sentirá saudades" como se pode ver no link que coloquei atrás. 

    Em Outubro de 2001 e um ano depois das históricas eleições que derrotaram Vale e Azevedo, Noronha Lopes demite-se da direcção, aceitando a famosa proposta profissional irrecusável que ninguém com 34 anos deveria recusar e que todos hoje sabemos bem qual foi. 

    Só os Vieristas mais rasteiros podem criticar Noronha Lopes por ter saído da vice presidência do clube, aos 34 anos, apostando na sua carreira profissional que o levaria a trabalhar ao mais alto nível europeu e mundial numa multinacional bem conhecida de todos. 

    Isto para concluir que Rui Gomes da Silva com 39 anos e Noronha Lopes com 33 anos mostraram ter mais Benfiquismo num dedo que Luis Filipe Vieira em todo o seu corpo e Luis Filipe Vieira sabe-o porque convidou o primeiro para ser seu vice presidente durante 7 anos e convidou o segundo para ser seu vice-presidente agora em 2020

    Para os Vieiristas deve ser complicado atacar alguém que o seu mais que tudo queria para ter perto de si...

    Já Bruno Costa Carvalho, de quem não há grande História desses tempos pois não era ainda sócio, foi candidato às eleições de 2012 e portanto é alguém que os benfiquistas já conhecem duma ou de outra maneira.

    Para concluir esta parte do texto dizer que a História não se muda consoante os dias ou os humores

    Ver agora miúdos de 15, 20, 25 ou 30 anos acusar nas redes sociais todos os candidatos a presidentes do Benfica e a perguntar "onde estavam estes quando Benfica mais precisava deles", mostrando Luis Filipe Vieira como o Salvador da Pátria é anedótico. 

    Eu bem sei por onde andou Paulo Gonçalves, sei por onde andou Luis Bernardo, sei por onde andou o José Manuel Antunes, como sei por onde andaram tantos que hoje apoiam Luis Filipe Vieira... 

    A História é só uma e o que hoje sabemos é que Rui Gomes da Silva é o sócio 1812 com 62 anosNoronha Lopes é o sócio 5001 com 53 anos e não será Luis Filipe Vieira ou os seus "muchachos amestrados" que lhe fazem os textos que podem colocar em causa os benfiquistas que lutaram pelo melhor do Benfica quando Luis Filipe Vieira ainda estava no Alverca a gritar e a celebrar os golos que marcava contra o Benfica e a gritar e celebrar os golos que o FCPorto marcava ao Benfica

    Isto são factos! 

    Muito antes de Luis Filipe Vieira pensar que seria o que quer que seja no Benfica já Rui Gomes da Silva e Noronha Lopes lutavam por um Benfica melhor com 39 e 33 anos respectivamente e merecem o respeito de todos os benfiquistas, por estarem hoje a lutar por um Benfica melhor, como merece respeito Bruno Costa Carvalho por em 2009 com 40 anos ter sido candidato também contra Luis Filipe Vieira. 

    O que fazia Luis Filipe Vieira com 33, com 39 ou com 40 anos

    Ia aos jogos do Benfica

    Pensava no melhor para o Benfica

    Era alguém presente nas assembleias gerais do Benfica

    O que sei é que com 42 anos,  Luis Filipe Vieira candidatou-se a presidente do Alverca e nos últimos 29 anos foi ininterruptamente Presidente do Alverca, Presidente da SAD do Alverca, Director da SAD do Benfica para o FutebolPresidente do Benfica e Presidente da SAD do Benfica

    Já chega de Luis Filipe Vieira e concordo com ele, quando diz que deve passar mais tempo com a sua família e digo-o sem ironia. O tempo é agora !

    Eu sou uma pessoa que conheço bem a História do Benfica e disse-o e repito as vezes que forem necessárias, que Luis Filipe Vieira foi o melhor presidente do Benfica

    É a minha opinião e o que foi feito em 13 anos é algo impensável e que nos trouxe para a modernidade do futebol mundial

    Dito isto, também digo que me custa entender quem apoia Luis Filipe Vieira incondicionalmente em Outubro de 2020

    Na boa, sem gritos e sem comentários maldosos. Somos todos apaixonados pelo Benfica e eu escrevo com respeito cada um destes textos, portanto escusam de me enviar mensagens, emails ou comentários como se eu fosse o Pinto da Costa... Ah espera, o Pinto da Costa apoia Luis Filipe Vieira! Claro, como não ? Depois do apoio que Luis Filipe Vieira deu ao Porto seria uma injustiça que Pinto da Costa não viesse dizer mal de Noronha Lopes

    Sei que muitos consócios vão votar em Luis Filipe Vieira - segundo dizem a grande maioria - mas eu não entendo esse apoio cego em Luis Filipe Vieira, com o respeito que me merecem todos os benfiquistas, a democracia no nosso clube, a pluralidade de ideias e o trabalho que o nosso presidente fez nos primeiros 13 anos da sua liderança.  

    O que eu não entendo é que alguém premeie um presidente com os seus votos sabendo que esse presidente  só errou desde que ganhou o Tetra. 

    Nuno Gonçalves, adepto sportinguista no programa "Trio de Ataque da RTP" perguntou a Luis Filipe Vieira no último domingo, "como ele queria  convencer os sócios a votar em si e no seu projecto europeu, depois de três anos de total falhanço na Champions com a conquista de 14 pontos em 54 pontos possíveis na fase de grupos" - foram 0 pontos num ano, 7 pontos no outro e 7 pontos no ano passado -  e depois de já ter falhado o acesso à fase de grupos perdendo para o Paok este ano

    Ou seja o que o comentador sportinguista concluiu é que estes últimos três anos na Champions mais esta pré eliminatória foram péssimos.  Concluiu ele e concluímos todos nós. 

    Depois ainda disse que internamente o Benfica disputou 3 Taças de Portugal, 3 campeonatos e 3 Taças da Liga, concluindo que o Benfica apenas ganhou um título destes nove e que não foi por responsabilidade de Luis Filipe Vieira, mas sim por total responsabilidade de Lage que aproveitou os miúdos da formação como Florentino, Ruben Dias, Ferro, Gedson e Joao Felix... 

    Luis Filipe Vieira em vez de responder, disse ao adepto sportinguista que ele "deveria fazer parte da oposição" e que "esses números estão errados"...

    Disse o simpaticamente, com sorrisos, com elegância e com educação que só ficam bem ao nosso presidente, porque a conversa esteve sempre evoluída e muito respeituosa. Ficou-lhe bem. 

    Mas não, caro presidente, esses "números não estão errados". Esses números estão correctos e a culpa desses números é sua e da sua administração. 

    Com contratações ridículas que não vale a pena lembrar, com investimentos risíveis, especialmente no ano do Penta e no ano seguinte, Luis Filipe Vieira é cúmplice de todos estes falhanços. 

    Eu tenho para mim que estes investimentos tinham como objectivo dar oxigénio ao FCPorto que estava lentamente a desaparecer e criar as condições perfeitas para poder trazer Jorge Jesus ao Benfica

    Voilá! 

    Objectivos cumpridos !

    Voltando aos números que estavam errados, qualquer adepto benfiquista sabe que estão correctos e é exactamente por causa destes números terríveis a nível nacional e internacional dos últimos três anos, que todos os sócios do Benfica estão a julgar Luis Filipe Vieira nestas eleições. 

    Se não fosse Bruno Lage e a maravilha que fez em 6 meses, o Benfica teria zero títulos em Portugal nos últimos 3 anos

    Lage ganhou a Liga e a Supertaça ao Sporting. Ponto final. 

    Estamos a sufragar 3 anos de terríveis contratações, estamos a sufragar 3 anos de casos jurídicos, estamos a sufragar 3 anos de boicote de Luis Filipe Vieira aos planteis benfiquistas e estamos também a julgar os programas de todos os candidatos para os próximos quatro anos. 

    E sobre esse assunto, temos muito boas ideias da parte de todos os programas da oposição e zero propostas de Luis Filipe Vieira

    Isto são factos ao dia de hoje

    Luis Filipe Vieira teve a coragem de dizer no último "Trio de Ataque" que se o Benfica manter os jovens da formação durante os próximos 4 ou 5 anos, é possível ser campeão europeu

    A sério? Muito bem! Então eu ouvi isso em 2009, em 2012, em 2014, em 2016 em 2019 e agora em 2020

    Todos ouvimos isto repetidamente nos últimos anos e vamos acreditar nesta pessoa que mente uma e outra vez?

    Voltando à entrevista de Luis Filipe Vieira no "Trio de Ataque" e a outra pergunta feita no programa pelo adepto sportinguista, Luis Filipe Vieira disse que não queria debates para não ser gozado como foi gozado  o Sporting e os seus candidatos aquando das últimas eleições de Varandas...

    O quê? Luis Filipe Vieira acha que debater com alguém que foi candidato em 1997 com Luis Tadeudebater com alguém que foi candidato e vencedor com Manuel Vilarinho em 2000 e debater com alguém que foi seu adversário em 2012 seria motivo de chacota nacional

    Mas é este respeito que Luis Filipe Vieira tem pelos sócios do Benfica, pela democracia no nosso clube? 

    Eu não consigo acreditar que alguém de Bem ache isto normal

    Eu acredito que muitas pessoas de Bem votem em Luis Filipe Vieira porque acreditam nele, acham que sinceramente ele é o melhor para o Benfica mesmo sabendo de todas as mentiras - ou inverdades que parece que dói menos - que fomos ouvindo ao longo de todos estes anos, mas não posso acreditar que pessoas de Bem achem isto normal. 

    Não consigo acreditar que pessoas de Bem não considerem esta recusa em debater como uma manobra táctica eleitoral. Não consigo! Entendo que pessoas como André Ventura ou Pedro Guerra ou muitos que recebem dinheiro do Benfica queiram votar em Luis Filipe Vieira porque também depende desse dinheiro a subsistência deles e da sua família, mas por favor não me digam que quem recusa debater com outros candidatos está do lado da democracia, não me digam que quem recusa responder a perguntas dos sócios nas Casas do Benfica está do lado da democracia e não me venham dizer que uma pessoa que teve 11 anos no Alverca e 17 anos no Benfica está aqui pela Democracia !

    Não, não está! 

    Luis Filipe Vieira é o melhor presidente do Benfica e dir-lhe-ei isto mesmo olhos nos olhos, tenho por ele o maior respeito e estima pelo que deu ao Benfica, será o meu presidente se ganhar as eleições - ou qualquer outro, obviamente -  mas  não posso votar nele

    Escolherei a candidatura que eu ache que tem melhor programa, a candidatura que eu ache que pode levar o Benfica mais longe e a candidatura que me dê mais garantias de finalmente ter uma lista de pessoas a lutar pelo mesmo objectivo e não uma lista presidencialista onde tudo é decidido por um Homem Só e onde os restantes elementos da lista são apenas corpo presente !

    Sexta feira, 30 de Outubro não vou votar Luis Filipe Vieira! 

    Força Benfica 



    João Noronha Lopes não tem ideias...ou tem mas são de Rui Gomes da Silva e da sua equipa! 21/10/2020 12:31 Geração Benfica

    Há quem ache que é uma embirração com João Noronha Lopes. Não, não é.


    Queremos o melhor para o SL Benfica e defenderemos o clube até à exaustão, como o temos feito desde 2008.

    Já tivemos um presidente eleito pela comunicação. Não vamos ter outro. 

    Exemplo 1:

    Rui Gomes da Silva a 30 de Julho: “Formar para reter e não para vender”.

    João Noronha Lopes a 07/10, 20/10 e sempre que dá uma entrevista: “Formar para jogar, não é formar para despachar”.

    Decorridas umas 10 semanas, a equipa multidisciplinar que inclui experiência obtida na candidatura de Barack Obama terminou a leitura do dicionário de sinónimos. Assim, “reter” passou a “jogar”, enquanto “vender” se tornou “despachar”.

    Exemplo 2:

    Rui Gomes da Silva a 01/10: "Luís Filipe Vieira diz que quem o critica, critica o Benfica. […] Quem, de entre todos nós, ao criticar o primeiro-ministro ou o senhor Presidente da República, sentiu estar a criticar Portugal?"

    João Noronha Lopes a 18/10: "Quando estamos a criticar a gestão de Luis Filipe Vieira não estamos a criticar o Sport Lisboa e Benfica. Seria a mesma coisa que nas próximas eleições presidenciais os outros candidatos não poderem criticar Marcelo Rebelo de Sousa porque então estariam a criticar Portugal".

    Habituado a um negócio em que vendia um gelado Sundae e seu concorrente direto vendia um gelado igual Sandy, o gestor de reconhecida qualidade, mas que se desconhece por que não tem emprego, tenta vender ideias dos outros.

    Exemplo 3:

    Rui Gomes da Silva a 29/09: "Se fosse presidente, não gostaria que nenhum dos atletas ou funcionários do clube se pronunciasse sobre o ato eleitoral."

    João Noronha Lopes a 12/10: "Eu acho que qualquer funcionário do Benfica se devia abster de apoiar qualquer candidato".

    JNL, como não tem uma ideia original, tem a sorte de ser produto de uma máquina de comunicação que ouve quem sabe do Benfica e copia as ideias.

    Exemplo 4:

    Rui Gomes da Silva: Programa lançado em Julho com 5 pilares.

    João Noronha Lopes: Programa lançado em Outubro com 3 pilares.

    Igualmente assente em “pilares”, o programa de João Noronha Lopes apresenta maior ousadia de engenharia, reduzindo em 2 o número de pilares necessários, em comparação com o de Rui Gomes da Silva.

    Exemplo 5:

    Rui Gomes da Silva a 30/07: "Implementação do sistema eleitoral a duas voltas […] a legitimidade democrática no Benfica tem de ser alcançada com “50% + 1 voto”."

    João Noronha Lopes a 28/09: "Queremos introduzir uma segunda volta sempre que nenhum candidato obtenha uma maioria absoluta dos votos expressos na primeira volta."

    Num momento invulgar de honestidade na sua campanha, João Noronha Lopes já afirmou que copiou uma (só uma?!) ideia do programa de Rui Gomes da Silva. E depois, com direito ao Óscar da Cara de Pau, disse que “as ideias não pertencem a A, B ou C”.

    Exemplo 6:

    Rui Gomes da Silva a 30/07: [voto eletrónico] deverá ser acompanhado de voto físico em urna […] O processo eleitoral deve ser validado por entidade externa idónea, competente e independente do clube e da SAD.

    João Noronha Lopes a 28/09: "Haverá obrigatoriedade de voto em urna. O voto em urna poderá ser complementado por voto eletrónico desde que com procedimento auditado por entidade externa".

    Dois meses foram necessários para apresentação do programa da candidatura nascida para dividir a oposição a Luis Filipe Vieira. Esperava-se, no mínimo, originalidade.

    Exemplo 7:

    Rui Gomes da Silva, em entrevista a A Bola (14/08): "Um presidente do Benfica não pode esconder-se atrás de um treinador. Seja ele qual for."

    João Noronha Lopes a 10/09: "Pedimos que não se esconda atrás de Jesus e venha debater com todos".

    Razzie de ator secundário vai para… Frei Tomás!
    O candidato que se esconde atrás de um humorista aponta o dedo ao candidato que se esconde atrás de um treinador.

    Exemplo 8:

    Rui Gomes da Silva a 30/07: "Para presidente da Direção, para presidente da mesa Assembleia Geral e para presidente do conselho fiscal, alteração para idade mínima de 35 anos e 15 anos de sócio efetivo; 

    - Para os restantes membros dos órgãos sociais, alteração para antiguidade mínima 10 anos de sócio efetivo. 

    e) Limitação de mandatos do presidente a 2 consecutivos de 4 anos, de forma a promover o rejuvenescimento do clube e evitar que se criem rotinas e vícios de ocupação do poder que prejudiquem gravemente a modernização e o crescimento do Benfica."

    João Noronha Lopes a 28/09: "Queremos reduzir de vinte e cinco para quinze o número de anos de sócio (correspondente e efetivo) requeridos para a candidatura a presidente dos três órgãos (Direção, Assembleia Geral e Conselho Fiscal) e manter em dez o número de anos de sócio requeridos para membro dos órgãos sociais. No caso dos presidentes dos três órgãos, imporemos também a obrigatoriedade de se ter, pelo menos, trinta e cinco anos de idade. O presidente do Sport Lisboa e Benfica poderá cumprir apenas três mandatos, consecutivos ou alternados, num período máximo acumulado de 12 anos na presidência do clube.

    SEGUNDA VOLTA ELEITORAL 

    O presidente do Benfica deve ser o presidente de todos os benfiquistas. Para que isso aconteça, queremos introduzir uma segunda volta sempre que nenhum candidato obtenha uma maioria absoluta dos votos expressos na primeira volta."

    Razzie de guarda-roupa. O programa tenta vestir-se de novo, mas só acrescenta remendos. Neste caso, aumenta o número de mandatos de dois para três.

    Exemplo 9:

    Rui Gomes da Silva a 30/07: "Criação de um comité de história do clube […]será composto por personalidades de reconhecido mérito na historiografia do Sport Lisboa e Benfica e do desporto português. […]O comité será responsável por: 

    - Revisão e, se necessário, correção de eventuais incorreções históricas existentes no museu e em outras comunicações institucionais do clube; 

    - Recolha contínua de informação para aumentar o conhecimento sobre a História do clube; 

    - Elaboração (ou patrocínio) de uma história universal do Benfica – rigorosa e isenta de interesses (sujeita a escrutínio por parte de um colégio de personalidades de reconhecido mérito); 

    - Revisão e, se necessário, correção de dados históricos do clube tornados públicos por meios de comunicação social, federações, associações e outros organismos."

    João Noronha Lopes a 28/09: "Este projeto (projeto história do Benfica) visa, através do lançamento de um projeto de investigação multidisciplinar, estimular uma História do Benfica que complemente a narrativa desportiva já existente com um estudo da componente institucional e sociológica do clube, da avaliação do seu papel na sociedade portuguesa, da sua relação com os poderes instituídos e do contributo para a projeção de Portugal no mundo".

    A História do Benfica merece mais que uma candidatura cuja grande atributo é copiar.

    Exemplo 10:

    Rui Gomes da Silva a 24/09: "Apresentação de uma solução financeira em parceria com a fintech portuguesa Pagaqui. A utilização de um cartão bancário por parte dos sócios gerará, em velocidade cruzeiro, no mínimo 5 milhões de euros, a aplicar nas modalidades e em apoios permanentes às Casas do Benfica."

    João Noronha Lopes a 28/09: "Criação de um fundo de emergência para as Casas do Benfica, que assegure a sobrevivência destas instituições no contexto excepcional em que vivemos".

    Uma medida de futuro em comparação com uma medida paliativa, apenas para não dizerem que não apresentou nada.

    Exemplo 11:

    Rui Gomes da Silva a 30/07: "Crescimento em mercados estratégicos através de parcerias com agentes locais, por exemplo, através de escolas de futebol".

    João Noronha Lopes a 28/09: "Vamos expandir a rede de escolas do Benfica fora do território nacional."

    2 meses para não ter uma única ideia original. 

    Exemplo 12:

    Rui Gomes da Silva a 30/07: "Acompanhamento das modalidades por parte da direção do clube, com presença nos pavilhões".

    João Noronha Lopes a 28/09: "A Direção deverá marcar presença assídua no acompanhamento das equipas das várias modalidades."

    Percebem ao pormenor que foi o apenas replicar o programa de Rui Gomes da Silva?

    Exemplo 13:

    Rui Gomes da Silva a 30/07: "[nas equipas de formação] elemento na equipa técnica com história e glória no clube que passe a mística e a grandeza do Benfica aos jovens, de forma a incutir-lhes a cultura de mística e vencedora do Clube."

    João Noronha Lopes a 28/09: "É nosso firme propósito assegurar que todas as equipas técnicas em todos os escalões têm pelo menos um membro com um passado significativo como atleta do Benfica, garantindo mística e cultura de vitória no Seixal."

    O humorista que decidiu apoiar um candidato sem história nem mística e representante de interesses económicos, tem já muito material para o próximo programa “isto é gozar com quem tem trabalho feito”: no jogo de palavras, “elemento” passou a “membro”, a “história e glória” passou a “passado significativo”, e por fim, da “cultura de mística e vencedora” passaram a “mística e cultura de vitória”.

    Exemplo 14:

    Rui Gomes da Silva a 30/07: "Integração do futebol feminino na SAD. Queremos dotar o nosso plantel de condições para lutar pela conquista da Liga dos Campeões."

    João Noronha Lopes a 28/09: "[…] futebol feminino, vamos transferi-lo para o universo da Benfica SAD, de modo a potenciar a dimensão europeia da equipa […] Investiremos nesta equipa, de forma a colocar a nossa equipa no top europeu."

    Sem vergonha nenhuma em copiar tudo ao ínfimo pormenor.

    Exemplo 15:

    Rui Gomes da Silva a 30/07: "Teremos de equacionar o fim da equipa B ou da equipa sub-23".

    João Noronha Lopes a 28/09: "Consideramos importante reavaliar a continuidade da equipa de sub-23."

    Foi fazer copy/past.

    Exemplo 16:

    Rui Gomes da Silva a 30/07: "O Sport Lisboa e Benfica não pode continuar a gastar milhões de euros anuais em jogadores que nunca jogaram no clube e que servem apenas para alimentar a máquina comissionista que se move ao redor do clube".

    João Noronha Lopes a 28/09: "Não podemos contratar jogadores que nunca vestirão a camisola do Glorioso, não somos porta giratória e não devemos participar em fluxos internacionais pouco claros".

    ------------------------------

    Podem querer muita coisa, menos que se vote em alguém que se limita a copiar e que nem isso faz bem.

    Quem quer derrotar Vieira, e nisso o NGB é o primeiro da fila, não o pode querer fazer a qualquer custo. Já lá meteram um João Vale e Azevedo, que até escritório na Avenida da Liberdade tinha. 

    Já tentaram meter Rangel com uma campanha na internet muito grande. Teve 13%.

    O futuro do SL Benfica faz-se com ideias e com quem as tenha e saiba executar e não com bandas desenhadas ou campanhas de marketing. 

    Não esperem que se apoie um candidato que até no orçamento mente e que esconde os seus apoios financeiros. 

    Não esperem que se acredite num candidato que é gozado pelos jornalistas porque vai para as entrevistas colar papéis nas cadeiras com o que tem que dizer. 

    Não esperem dar credibilidade a um candidato que só pede debates a quem sabe que não os vai fazer.

    Mas acima de tudo, não esperem que se apoie um candidato que está feito com Luis Filipe Vieira e que não se apresentou para ganhar mas para fazer com que ninguém possa derrotar Vieira. 

    João Noronha Lopes é o Abílio que não quer ganhar mas que outros percam. 

    E se alguma vez conseguisse vencer, teríamos o SL Benfica transformado num Sporting em 4 anos, cheio de primos, tios e tias, todos a parasitar o clube até não haver mais dinheiro.

    Não somos lagartos.

    E era preciso uma equipa de milhões ou uma equipa equilibrada e com alguns craques, e um treinador competente e ambicioso? 20/10/2020 09:53 Geração Benfica


    "A passagem de Ronald Koeman pelo Benfica esteve em destaque na conferência de imprensa de antevisão do duelo entre Barcelona e Ferencváros. Isto porque o técnico lembrou as campanhas na Champions pelo Ajax (2002/03) e pelas águias (2005/06), tendo caído em ambas nos quartos-de-final. Ao serviço do clube da Luz, até foi eliminado pelo Barça. "Jogámos em casa e ficou 0-0. Na segunda mão, o Simão Sabrosa teve uma oportunidade para empatar quando perdíamos 0-1, mas não conseguiu. Às vezes temos a sorte do nosso lado e outras não", recordou o holandês." - Record.

    Já o escrevi aqui no passado. Despedir Ronald Koeman foi uma das piores decisões de Luis Filipe Vieira.

    Com ele, jogamos olhos nos olhos com algumas das melhores equipas da Europa na altura, uma delas campeã europeia.

    Aquele jogo do Barcelona ainda hoje me dá azia, quer pela oportunidade falhada a que se refere o treinador, mas pela dualidade de critérios da arbitragem, na Luz e em Nou Camp.

    Foi nessa temporada que vimos um dos jogos mais épicos dos últimos 20 anos, em Anfield frente ao Liverpool.

    Luis Filipe Vieira trataria de rebentar com essa equipa e de despachar Ronald Koeman.

    Canal público oferece tempo de antena a um dos maiores devedores do país, que já custou 200M€ a todos nós 19/10/2020 16:00 Geração Benfica

    "Luís Filipe Vieira participou no Trio D'Ataque claramente na qualidade de candidato à presidência do Benfica. Por isso, e ainda para mais tratando-se de um canal público, é imperativo que a RTP faça o mesmo convite aos restantes candidatos nas próximas edições do programa. Já seguiu pergunta para o provedor da RTP"
    (Militância Benfiquista).

    Luis Filipe Vieira recebeu o que os outros candidatos não têm: tempo de antena no canal público.

    Aqui ficam os tópicos que o Record resumiu:

    Jorge Jesus e as eleições 

    "Não foi contratado para eu ganhar as eleições, até porque o Jorge Jesus é um nome controverso no mundo benfiquista. Há um ano ninguém sabia que ia haver uma pandemia... Numa conversa em casa dele há um ano disse-lhe que se houvesse uma alteração no Benfica ele seria o próximo treinador do Benfica. Estava o Bruno Lage. Ele foi em maio ou junho para o Brasil, esta conversa foi em março."

    Uma das primeiras mentiras de LFV. Sabe muito bem que JJ só não veio muito antes porque LFV não conseguiu fechar essa operação. E JJ não é controverso. JJ é um miserável pelo que ele fez e disse quando esteve no Sporting.

    Benfiquistas já perdoaram Jesus?

    "Ele foi muito claro na apresentação e no que disse, qualquer benfiquista deve estar feliz, ele é o nosso treinador e todos queremos que o Benfica ganhe."

    Não se trata de perdão, mas sim de que JJ nunca mais deveria ter entrada na Luz como colaborador do clube. 

    Investimento no plantel
    "Acho que benfiquistas não devem estar preocupados. Primeiro titulo que Benfica adquiriu foi credibilidade. Nunca o Benfica comprava o Everton por 20 milhões o ano passado. Waldschmidt igual. Darwin será uma referencia do futebol mundial. Jogadores que alem de termos retorno desportivo bastante alto, vamos ter desportivo também. No tempo que vivemos hoje, não é o Benfica Sporting ou Porto, qualquer empresa vai passar dificuldades. E Benfica tem de estar preparado para ela. Posso dizer que há jogadores destes comprados a 5 anos sem juros. Quando se tem credibilidade conseguem-se coisas diabólicas e é nas crises que devemos investir. Benfica será fácil recuperar 100 ou 150 milhões de euros."

    Esperemos que a auditoria que será pedida após as eleições seja pública. As operações financeiras que andam a suportar as contratações estão a colocar em causa o futuro do clube. Ou é mentira que todas são a pagar além do próximo mandato?

    António Costa na Comissão de Honra
    "Tenho sido sempre homem coerente. O António foi meu apoiante em 2012, 2016 e já como primeiro-ministro, mas como cidadão e sócio do Benfica. Agora foi na mesma condição. O que se passou desta vez? Isso é que me está a intrigar? Foi o mesmo primeiro-ministro e o mesmo cidadão… Nas anteriores não perturbou tanto porquê? Entendi que ele não podia estar a sofrer nada comigo. Nem ele nem nenhum político, então entendi tirá-los todos de lá. E a situação do presidente da CM Lisboa igual."

    Nada a dizer. Cada um apoia quem quiser. 

    Ataques à campanha?
    "A minha campanha é limpa. Não vou atacar ninguém. A minha vida é limpa, tenho resposta para toda a gente. Outros se calhar podem não ter."

    Pedro Guerra e o Marinho ainda não conseguiram parar de rir...

    Defesa-central pretendido por Jesus
    "Uma coisa é o que jornalistas escrevem, outra é o que conheço do Jorge Jesus. Podem dizer que ele ambiciona ter um determinado jogador. Mas até dezembro… até posso já nem ser eu o presidente. Jesus é treinador do Benfica, tem grande relação com administração, com Tiago Pinto e comigo. Nós somos amigos. Jorge é hoje a cara do Benfica. As vezes dizemos ‘eu quero’ e não é bem assim. Vinícius saiu por empréstimo e ele não quis nenhum avançado, foi buscar Gonçalo Ramos e já renovámos com ele."

    Todos somos estúpidos e não percebemos o que JJ disse mais que uma vez sobre os defesas centrais.

    Rui Costa sucessor
    "É o meu ultimo mandato. Só podia abdicar para ganhar um penta, mas isso é outra coisa… Dizem que aquilo é monarquia. Dentro do Benfica há gente qualificada para dar continuidade ao projeto. Quem vota são os sócios. O que eu disse foi ‘Eu sou o presente e tu, Rui, és o futuro’."

    Acredita quem quer. Eu não. Não acredito que LFV saia a não ser preso ou falecido. Nem acredito que Rui Costa tenha capacidade para ser presidente do SL Benfica.

    Último mandato
    "Há um tempo para tudo na vida. Eu tenho família também. Sei quantos dias tive de férias no Benfica nestes anos. Fazer o que se fez em 20 anos não é para todos. Benfica era caso de estudo para saber como foi possível tornar isto tudo assim e este projeto, que é empresarial com amor popular."

    Pensava que seria nesta parte que as lágrimas apareciam. 

    Ambição
    "Prioridade é onde entrar ganhar todos os jogos e no fim fazemos as contas. É uma aposta firme minha ganhar um título europeu. Nestes 4 anos vou lá chegar. Uma jura que fiz ao meu pai e só falta cumprir esta. Hei-de conseguir."

    Já cá faltava. Quem foi o único que passou os últimos 2 anos a dizer que o SL Benfica tinha que lutar por uma Liga dos Campeões? Que o disse ainda no passado dia 16/10? 

    Resposta a Varandas
    "O presidente de um clube dizia ontem que o Benfica e o Porto... Ele se calhar nem viu o Benfica-Farense, para ver o que é o segundo golo. É falta e foi golo. No Benfica não há lobby com ninguém. Há trabalho e credibilidade."

    Fernando Gomes e Fontelas Gomes ainda não conseguiram parar de rir...

    O Benfica a 100 por cento
    "A minha vida é Benfica, empresa e casa. Até dizem que sou um bocado bicho do mato. Não tenho nem conheço maioria das pessoas que estão no poder. Não tenho poder com ninguém. Tenho boa relação com presidente da federação. É proibido dizer que sou amigo do António Costa? Fez-me algum favor? Não lhe pedi nenhum favor."

    Um dia falamos sobre Londres.

    Relação com Rangel
    "(Risos) Primeiro não lhe ofereci nada. A justiça funciona neste país. Nunca vou ser julgado por jornal nem televisão. Se não fosse presidente do Benfica não estava metido naquilo. Há escuta e gravação que eu digo ‘Rui se quiseres eu vou contigo ao tribunal’. Não era eu que devia ao Estado, era o Estado a mim. O que se devia dizer é como é que o Estado português demora tanto a pagar. O que é que eu tinha de pedir ao Rui Rangel? Ajuda-me aqui ou ali em quê? O que fiz qualquer um fazia."

    Ainda assim, o Estado demora menos a pagar que os devedores do BES ou NovoBanco. E faltou falar na escuta em que LFV oferece um lugar no Benfica a Rangel...

    Rede de influência (caso dos emails)
    "Há quanto tempo dura os emails? Já deviam ter apresentado alguma coisa. Nos últimos anos o Benfica não tinha os melhores planteis em Portugal? Ganhámos 4 campeonatos seguidos. Acham que era preciso andar a pedir favores árbitros? Nomes deviam ser investigados em que ajudaram o Benfica. Caso acaba por prejudicar o Benfica, lógico. Sofri 12 anos com o caso Mantorras. Passado esse tempo foi arquivado. Tenho consciência completamente tranquila. Meus filhos e mulher poder ter orgulho no pai e marido que têm. Os meus amigos também. Vou ter de lutar pelo meu nome. Puseram muitas noticias cá fora. Já me viraram ao contrário 10 vezes seguidas e continuo em pé."

    Sobre os emails, a única coisa que espero é que o SL Benfica nunca seja prejudicado. Agora vir falar no caso Mantorras é de uma lata tal...

    Vilarinho e proteção
    "Benfica nunca me protegeu em nada, pelo contrário. Prejudicou e continua a prejudicar. A inveja neste país é uma coisa… Se eu não tenho aparecido no Benfica não havia estádio, não havia nada. E há testemunhas disto. Se doutor Fonseca Santos abrir o véu pode-se saber o que se passou naquela altura. Vilarinho falou comigo, em prol do Benfica desisti de concorrer. Foi um alívio naquela altura. Isto em outubro. Em maio recebo telefonema a dizer que tinha de ir para o Benfica. Vilarinho sabe quem o ajudou a revolucionar o Benfica."

    Nem o Estádio dependeu de LFV, nem Vilarinho ligou a ninguém. Ricardo Salgado sim.

    Cavani
    "Tivemos dois advogados a tratara disso. Benfica fez proposta que podia fazer. Há altura em que eu digo para meterem proposta por escrito e era o dobro. Então mandamos email a dizer que não queríamos. Houve interesse. E se me tivesse encontrado com ele tínhamos assinado."

    Então porque não se encontrou?

    Debates
    "Eu vi debates do Sporting e não quero que o meu clube tenha debates como aqueles, aquela palhaçada, que foram o riso total. No Benfica há um candidato que apareceu agora e veio de um grupo de Whatsapp. E nem era para ser ele o candidato. Piadas têm aumentado. Se vou para debate para ofender e criticar, não vou. Depois de dia 30 tem de haver Benfica unido e não quero criar roturas que possam ser irreversíveis. Ainda não ouvi nenhum candidato dizer o que quer fazer de novo no Benfica. BTV nunca interferiu em nenhuma campanha. Tem de estar à parte. Porque diriam sempre que era eu a beneficiar."

    A Democracia nunca dá vontade de rir a ninguém. Só a ditadores, a cobardes ou a mentirosos que nem para defenderem o seu próprio projecto são capazes de dar a cara. Não cabe aos candidatos opinar sobre a qualidade dos debates mas sim defender a realização dos mesmos.
    Só quem não quer ser confrontado é que foge dos debates.

    Ficamos a saber que a BTV não vai dar qualquer minuto aos candidatos. 

    Paulo Gonçalves
    "Não tem negócios com o Benfica. Falo com ele, sou amigo dele e falo com ele quando me apetecer. Quando for julgado as pessoas vão saber. Marginalizá-lo? Parece que não pode ter vida normal nem pode ganhar dinheiro normal."

    Deixemos passar dia 30. Depois falamos.

    Pedro Proença
    "Disse-me que estava farto e que se ia embora da Liga. Se não sair mentiu. A carta que fez não podia fazer sem autorização dos clubes, pelo menos dos três grandes."

    E então foi por isso que voltou atrás no pedido de demissão de Pedro Proença...? Que lata...

    Futuro
    "Era muito mau sair do Benfica neste momento e sou a pessoa mais bem preparada para estabilizar o Benfica. Quando cheguei foi o maior desafio que tive. Nem as pedras da calçada eram do Benfica."

    Momento Vintage. As pedras da calçada. O SL Benfica não é você.

    Pinto da Costa
    "Houve um encontro testemunhado por António Salvador, Júlio Mendes, Soares de Oliveira e Antero Henrique. Disse-lhe que a resolução do futebol português passava por nos dois mas a Liga tinha de ser liderada por alguém que não podia ser Benfica nem Porto. Eu falei no Luís Duque e ele disse para lhe telefonar. Andámos numa paz e numa relação normal. O que cortou esta relação? Um dia Pedro Proença entra no meu gabinete, vem despedir-se da arbitragem e entrega-me camisola, a dizer que se queria candidatar a presidente da Liga. E disse que tinha apoio do FC Porto. A partir daí nunca mais."

    Não foram as décadas de ataques ao SL Benfica nem sequer os roubos em campo de que o nosso clube foi vítima. Não foi isso que fez LFV azedar com PdC.

    Comforme alguns se lembrarão, batalhamos no NGB a denunciar o conluio de LFV com PdC para dinamitar a direcção da LPFP e colocar lá alguém mais conveniente ao FCP. Como é óbvio, não seria Luis Duque essa pessoa e muito menos Pedro Proença.

    Mas LFV tem que tentar passar a narrativa de que estava de boa fé e que foi "enganado" por PdC. Só que, caro LFV, só vai na sua cantiga quem quer.

    Qualidade 19/10/2020 09:27 Tertulia Benfiquista

    A visita a Vila do Conde é tradicionalmente difícil para o Benfica. Mas perante a possibilidade de abrir um fosso de cinco pontos para o segundo classificado, o Benfica não deu quaisquer hipóteses e a qualidade da nossa equipa tornou muito fácil aquilo que se antevia complicado. Foram três golos marcados, mais dois anulados pelo VAR e ainda um penálti revertido só para contrariar a tese dos lunáticos do Lumiar, que resolveram meter-nos ao barulho no arrufo conjugal que tiveram este fim-de-semana.

    1.jpg

    Com uma máscara protectora a permitir o regresso do Vertonghen à titularidade e o Taarabt ainda lesionado, o Benfica apresentou o onze que era esperado, mantendo o Pizzi a titularidade no meio campo. Entrada a todo o gás do Benfica, com pressão constante sobre os defesas do Rio Ave, cortando logo à nascença as tentativas de sair a jogar. A defesa em linha do Benfica também jogou de forma bastante agressiva e muito bem coordenada, encurtando o espaço e conseguindo quase sempre deixar os jogadores mais avançados do Rio Ave em posição irregular, o que impedia os passes longos para as costas da defesa. Antes de completado um minuto já o Benfica tinha conquistado um canto, e ao fim de seis minutos quase todos jogados no meio campo do Rio Ave chegou o golo. A pressão deu resultado, e depois de mais uma tentativa do Rio Ave sair a jogar o Gabriel antecipou-se ao Geraldes e interceptou o passe. Cruzamento largo e imediato do Rafa, ligeiro desvio de cabeça do Darwin já na área, e toque de classe do Everton quando se esperava que ele rematasse, a deixar a bola para o estouro do Waldschmidt. Cinco minutos depois, uma nota negativa com a lesão do André Almeida numa bola dividida, que pareceu ser grave e obrigou à sua substituição pelo Gilberto. A pressão do Benfica continuava a dar resultado e novo erro na saída de bola permitiu ao Waldschmidt recuperá-la e oferecer o golo que o Darwin há muito merece. Infelizmente o VAR interveio e o golo foi anulado por alguns centímetros. Mas da forma como estávamos a jogar nem deu para ficar muito preocupado, porque o jogo só dava Benfica mesmo. O Vlachodimos era um mero espectador e o segundo golo do Benfica era apenas uma questão de tempo. Meia hora de jogo, e mais uma vez a bola dentro da baliza do Rio Ave, desta vez com os papéis invertidos: o Darwin assistiu o Waldschmidt, que correu para a área e com calma evitou os defesas do Rio Ave para finalizar à saída do guarda-redes. Mas novamente o VAR anulou o golo por posição irregular de alguns centímetros. Apesar do resultado nunca parecer estar em perigo, porque o Benfica dominava completamente, dois golos anulados em meia hora já eram motivo para alguma irritação. Foi preciso esperar até ao período de compensação da primeira parte para finalmente vermos o Benfica chegar ao merecido segundo golo. O Rio Ave beneficiou de um livre perto da linha do meio campo e mandou toda a gente lá para a frente - de assinalar o facto do Benfica ter formado a linha de defesa bem longe da sua área, em vez de cair naquele comportamento irritante de fazer o favor à equipa que marca o livre e colocar toda a gente dentro da área. A bola foi recuperada, o Pizzi fez um balão para a frente, e a partir daí o Darwin fez quase tudo. Ganhou a bola no corpo a corpo com o defesa, progrediu até à área, e depois deixou-a para o Waldschmidt, com toda a calma do mundo, colocar a bola onde quis. É também de realçar que para além do Waldschmidt, também o Rafa e o Everton apareceram na zona de finalização.

    2.jpg

    Na segunda parte o jogo baixou um pouco de intensidade, mas o Benfica continuou sempre a ter um controlo quase absoluto do mesmo. Apesar das várias alterações feitas o Rio Ave nunca conseguiu criar-nos grandes problemas - recordo-me apenas de uma ocasião de perigo, na qual o Vlachodimos defendeu o remate do Piazon. O Benfica, mesmo sem forçar muito, ainda assim esteve sempre mais próximo do terceiro golo, e havia a nítida sensação que se quisesse forçar um pouco mais o resultado poderia facilmente disparar. O Darwin continuou a trabalhar muito e a procurar o golo, tendo talvez perdido a ocasião de oferecer o hat trick ao Waldschmidt quando optou pelo remate ainda de fora da área e tinha o colega em melhor posição para finalizar. Aos sessenta e oito minutos, nova jogada de insistência do Darwin, pela esquerda, terminou numa grande penalidade cometida sobre ele. Infelizmente o VAR voltou a intervir e descortinou novo fora-de-jogo de centímetros no início do lance e a decisão foi revertida - depois do que vi nas repetições, desconfio que o tempo que o VAR esteve a analisar o lance foi mais para conseguir encontrar um frame qualquer em que o Darwin estivesse adiantado. Reparei no entanto num pormenor: o Darwin foi pedir ao Pizzi, que se aprestava para marcar o penálti, para o deixar marcar e o Pizzi pelos vistos não aceitou. Estas coisas até são decididas no banco, mas é tão evidente que o Darwin está a procura do seu primeiro golo pelo Benfica (e merece-o) que teria sido um gesto bonito do Pizzi como capitão deixá-lo marcar. Mesmo que depois o JJ não deixasse. Enfim, são apenas pormenores. O jogo precisava mesmo de um terceiro golo do Benfica para dar uma expressão mais justa ao resultado, e a cinco minutos dos noventa isso finalmente aconteceu sem que o VAR encontrasse motivos para o anular. Uma boa combinação pela direita permitiu ao Pizzi cruzar para a tentativa de cabeceamento do Seferovic, que já tinha entrado para o lugar do Darwin, com o ressalto a sobrar para um remate de primeira quase à queima-roupa do Gabriel. Imparável, e bastante merecido que pelo jogador, quer pela equipa.

    3.jpg

    Por via dos dois golos, o Waldschmidt é o homem do jogo. E ainda ofereceu um golo ao Darwin, que foi anulado. O Darwin continua à procura do seu primeiro golo, mas entretanto vai somando assistências. É incansável na frente, ganha a maioria dos duelos individuais, incluindo pelo ar, e está constantemente em movimento. Ontem teve o azar de ver um golo, uma assistência e um penálti sobre ele cometido todos anulados pelo VAR. Mas é uma boa indicação do quanto ele está em jogo e dos problemas que causa às defesas. Grande jogo também do Gabriel. É um jogador que eu sempre apreciei e considerei fundamental para o Benfica, mas com o JJ está a evoluir tacticamente a olhos vistos - basta ver o quanto se começa a alargar a sua área de acção - e, com as devidas distâncias, se pode começar a considerar como um Matic na nova versão do Benfica de JJ.

     

    Depois do soluço exibicional que foi o último jogo contra o Farense, foi bom ver a equipa regressar ao trilho certo. Uma vitória convincente e contundente num jogo e num campo onde seria normal esperar maiores dificuldades, e liderança isolada à quarta jornada com um pleno de pontos conquistados. Não se podia pedir muito melhor.

    Rio Ave - SL Benfica 18/10/2020 18:25 Geração Benfica

    ONZE DO SL BENFICA: Odysseas, André Almeida, Otamendi, Vertonghen, Grimaldo, Gabriel, Pizzi, Rafa, Everton, Waldschmidt e Darwin.

    SUPLENTES: Helton Leite, Gilberto, Jardel, Nuno Tavares, Weigl, Chiquinho, Pedrinho, Seferovic e Gonçalo Ramos.

    Onze do Rio Ave: Kieszek, Ivo Pinto, Borevkovic, Aderllan Santos, Nélson Monte, Filipe Augusto, Tarantini, Carlos Mané, Piazon, Francisco Geraldes e Bruno Moreira.

    Suplentes: Leo Vieira, Pedro Amaral, Pelé, Diego Lopes, Ronan David, Jambor, Meshino, Gabrielzinho e Gelson Dala.


    Noronha Lopes entrega apoiantes a Vieira em "bandeja dourada" 18/10/2020 17:21 Geração Benfica

    Salvo se for uma estratégia "especial" levada a cabo pelos muitos miudos que se viu na reportagem da SIC... salvo se for um "azar do Kralj", uma infelicidade do Adão ou do Ricardo Araujo Pereira... a entrevista ao jornal que mais tenta denegrir a imagem do SLBenfica, no exacto mesmo dia em que assue que "ou votam nem agora ou não contem mais com ele"... foi um entregar de votos a Vieira em bandeja dourada.

    Têm-se esforçado muito por essas redes sociais fora de desmistificar a teoria do "Abilio dos tempos modernos" associada a Noronha Lopes.... bom, quando precisam de a desmistificar... está bom de ver que tenta sacudir os factos.

    Não sei se esta ideia absurda de dizer que não se candidata mais vez nenhuma é dos mesmos autores e  gajos do humor que lhe têm dito para insistir que não tem nada a ver com interesses de grupos empresariais, que não representa elites ou que não é "Abilio"...

    ... mas uma coisa é certa: como um bom "Abilio dos tempos modernos", fazer uma reta final repleta de erros que não escapam aos eleitores com mais votos é uma bela estratégia quando queres ser Abilio... admitindo que isso é apenas uma coincidência, não resta outra definição e constatação que não seja a de INCOMPETÊNCIA!

    Vai lá explicar aos putos as asneiras... ou diz-lhes que foi "um azar do kralj.

    Rio Ave vs Benfica - liga NOS - 4ª Jornada 18/10/2020 13:54 O Belo Voar da Águia

     ...
    Rio Ave 0 * 3 Benfica

    Árbitro:- João Pinheiro ( A.F. Braga )
    Árbitros assistentes:- Tiago Costa * Nuno Eiras
    Árbitro (4º):- Lancu Vasílica
    Var/Avar:_ Hugo Miguel * Hugo Ribeiro
    Delegados:- Augusto Carvalho * Faustino Santos
    Observador: Luís Ferreira
    Transmissão:_ Sporttv1

    Constituição das equipas:

    RIO AVE: Kieszek, Ivo Pinto, Nélson Monte, Borevkovic e Aderllan; Filipe Augusto e Tarantini; Mané, Geraldes e Piazon; Bruno Moreira.

    SUPLENTES RIO AVE: Leo Vieira, Gelson Dala, Diego Lopes, Pelé, Ronan, Jambor, Pedro Amaral, Meshino e Gabriel Souza.
    ......
    BENFICA: Vlachodimos, André Almeida, Otamendi, Vertonghen e Grimaldo; Rafa, Gabriel, Pizzi e Everton; Waldschmidt e Darwin.

    SUPLENTES BENFICA: Helton Leite, Gilberto, Seferovic, Chiquinho, Weigl, Jardel, Pedrinho, Nuno Tavares e Gonçalo Ramos.

    Marcou: Waldschmidt 7 m;  45m; Gabriel 84m; 
    .. 
    Carrega Benfica rumo ao 38º.
    .