Guarda-redes Tom King marca golo a 96,01 metros e entra no Guiness Book DN 21/01 - Quinta, às 16:22

    Guardião do Newport County, da quarta divisão inglesa de futebol, fixou o novo recorde do mundo para o golo mais distante

    Juninho Vieira troca Chaves pelo Boavista e assina até 2024 sapo.pt 21/01 - Quinta, às 15:59

    O avançado brasileiro Juninho Vieira assinou com o Boavista até 20024, proveniente do Desportivo de Chaves, do escalão secundário, anunciou hoje o clube da I Liga de futebol, que acolhe o primeiro reforço na reabertura do mercado.

    “Juninho Vieira é o mais recente reforço do Boavista, tendo assinado um contrato válido para os próximos três anos e meio. O avançado, que irá jogar com o número 18, já vai integrar a sessão de trabalho de hoje sob as ordens de Jesualdo Ferreira”, lê-se em comunicado publicado no sítio oficial dos ‘axadrezados’ na Internet.

    Juninho Vieira, de 24 anos, marcou quatro golos em nove jogos pelo Desportivo de Chaves na primeira metade da época, após ter somado seis tentos em 26 aparições ao serviço do Estoril Praia em 2019/2020, cedido pelos brasileiros do Athletico Paranaense.

    O extremo natural de Pitangui já representou a equipa principal do emblema de Coritiba e passou por diversos empréstimos a Grêmio Esportivo Brasil, Grêmio Novorizontino, Figueirense, Vila Nova e Portimonense, no qual contabilizou um jogo, em 2015/16.

    Juninho Vieira é o primeiro reforço anunciado pelo Boavista na reabertura do mercado de transferências e vem colmatar a saída do extremo internacional gambiano Musa Juwara, cujo fim do período de empréstimo por parte dos italianos do Bolonha foi antecipado.

    O Boavista, 18.º e último colocado, com 11 pontos, recebe o Sporting, líder da I Liga, com 36, na terça-feira, às 21:15, no Estádio do Bessa, no Porto, num jogo da 15.ª jornada.

    FOTOS: Assim é a Casa dos Atletas da FPF, transformado em hospital de campanha para doentes COVID sapo.pt 21/01 - Quinta, às 15:52

    A Casa dos Atletas, disponibilizada pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF) ao ministério da Saúde, já começou a receber doentes com COVID-19, que necessitam de internamento e vigilância médica, anunciou hoje o organismo federativo.

    Na sexta-feira, a FPF disponibilizou a Casa dos Atletas, na Cidade do Futebol, ao ministério da Saúde, para funcionar como unidade de retaguarda para doentes que necessitem de internamento e vigilância médica.

    Paulo Sousa é o novo selecionador de futebol da Polónia DN 21/01 - Quinta, às 15:23

    Treinador português vai orientar pela segunda vez uma seleção, depois de ter liderado os Sub-21 portugueses. É o oitavo treinador português à frente de uma seleção.

    Jovane: "Vitória frente ao FC Porto só tem significado se vencermos a final" sapo.pt 21/01 - Quinta, às 14:43

    Jovane Cabral vestiu a pele de herói na terça-feira, ao marcar os dois golos que eliminaram o FC Porto e apurou o Sporting para a final da Taça da Liga. Em declarações ao jornal do clube, o jogador atribuiu o mérito a todo o grupo 'leonino' e apontou à conquista da competição no sábado.

    "O MVP foi a equipa. Todos querem ajudar e eu não sou exceção. Somos um grupo muito solidário, unido e forte. Sinto que somos uma grande família. Obviamente estou muito feliz pelos golos, mas o que quero realçar é a atitude de todos. Colectivamente estivemos muito bem e conseguimos apurar o Sporting para a final da Taça da Liga, que era o nosso primeiro objectivo. Infelizmente alguns jogadores não puderam estar fisicamente presentes, como é público, mas nós, enquanto grupo, sentimos que estiveram sempre connosco. Todos são importantes", frisou Jovane.

    "Foi uma vitória importante e, na minha opinião, justa. Sabíamos que íamos ter pela frente uma equipa muito forte, tal como são todas as que competem nesta final four da Taça da Liga, mas desde o primeiro minuto que demonstrámos uma enorme vontade em garantir a presença na final. O golo do FC Porto surgiu já na parte final do jogo, mas esta equipa nunca desiste... Já provámos várias vezes que somos uns leões em campo. Nunca deixámos de acreditar e conseguimos dar a volta", acrescentou.

    Na final, marcada para sábado, o Sporting terá pela frente o SC Braga, que eliminou o Benfica na segunda meia-final.

    "Temos a noção de que esta vitória frente ao FC Porto só tem significado se vencermos no sábado. A meia-final já ficou para trás e agora é trabalhar com toda a dedicação e preparar bem a final. Será mais um jogo difícil, frente a uma boa equipa, mas queremos ganhar esta Taça e tudo vamos fazer para o conseguir. Temos a obrigação de defender esta camisola com todas as nossas forças e é com esse espírito que encaramos todos os jogos. Queremos voltar a conquistar esta competição e contamos com o apoio de todos os nossos adeptos", rematou Jovane.

    Dalot "muito satisfeito" com a época no AC Milan e por trabalhar com Ibrahimovic: "É muito exigente" sapo.pt 21/01 - Quinta, às 14:09

    O português Diogo Dalot mostrou-se hoje “muito satisfeito” com a temporada que está a realizar no AC Milan e assumiu que seria “fantástico” vencer a Serie A e recolocar a equipa de Milão no topo do futebol italiano.

    “Será especial e fantástico ganhar o campeonato, não apenas por derrotar rivais como a Juventus e o Inter Milão, mas porque será uma forma de voltar a deixar o AC Milan no topo, depois de ter estado tantos anos sem ganhar títulos”, afirmou Diogo Dalot, em entrevista à agência Associated Press.

    O AC Milan lidera o campeonato com três pontos de vantagem sobre o Inter Milão, segundo classificado, e 10 sobre a Juventus, que aparece num surpreendente quinto lugar.

    “Gostamos deste tipo de pressão. Gostamos que os novos rivais estejam atrás de nós e que queiram a nossa derrota. Gostamos desse tipo de desafio”, disse.

    Emprestado pelo Manchester United à equipa italiana, o lateral de 21 anos leva 15 jogos e um golo em todas as competições, depois de ter sido pouco utilizado nos ‘red devils’ nas duas últimas épocas.

    “Estou a sentir a relva de novo. Estou a sentir o que é jogar, o que é jogar 90 minutos e ganhar. Tem sido fantástico e estou muito satisfeito”, confessou o jogador formado no FC Porto.

    Dalot, que tem como colega de equipa o seu compatriota Rafael Leão, destacou ainda a importância do avançado sueco Zlatan Ibrahimovic, de 39 anos, que leva 12 golos em oito jogos na Serie A, na campanha do AC Milan.

    “É muito exigente. É sempre um dos primeiros a chegar ao treino. Esse tipo de coisas ajuda-nos a perceber que talvez precisemos de ser tão profissionais quanto ele para durar tanto tempo e ganhar tantos títulos. Foi uma surpresa muito boa trabalhar com ele", concluiu.

    Presidente da FPC justifica adiamento da Volta ao Algarve: "Queremos ser solidários com tudo o que se está a passar em Portugal" sapo.pt 21/01 - Quinta, às 13:58

    O presidente da Federação Portuguesa de Ciclismo (FPC) assumiu hoje como “inevitável” o adiamento da Volta ao Algarve, prevista entre 17 e 21 de fevereiro, face ao “momento crítico” provocado pela pandemia de covid-19.

    “Este é um momento crítico e também queremos ser solidários com tudo o que se está a passar em Portugal”, afirmou Delmino Pereira, em declarações à agência Lusa, depois de a estrutura a que preside ter anunciado o adiamento da primeira prova do calendário velocipédico nacional e a única a integrar o calendário ProSeries da União Ciclista Internacional (UCI).

    Portugal tem registado um aumento do número diário de infeções pelo coronavírus responsável pela pandemia de covid-19, tendo contabilizado, na quarta-feira, 14.647 novos casos e um número recorde de mortes (219).

    “A evolução da pandemia não nos permite olhar para o evento com o equilíbrio que tem de ter. Estamos a falar de um evento que se realiza na via pública, uma corrida, uma festa, que tem uma relação muito especial com as pessoas, com o povo. Dentro de um certo equilíbrio é possível organizar-se ciclismo e o desporto deve acontecer, mas com o índice da pandemia em Portugal, e fora de Portugal, não é possível continuarmos e é uma questão de sensatez e respeito para com as vítimas e a situação”, explicou o líder federativo.

    A menos de um mês do arranque da prova algarvia, a organização já contava com a presença de 25 equipas, 14 das quais do WorldTour, o principal escalão internacional, e de várias ‘estrelas’, como o britânico Chris Froome (Israel Start-Up Nation) ou o italiano Vincenzo Nibali (Trek-Segafredo).

    “Nós tínhamos a corrida organizada, praticamente pronta para ir para a rua, mas a evolução da pandemia tem sido muito grave e não tivemos outra alternativa. Tivemos mesmo que tomar esta decisão. Acho que é um momento de reflexão e, depois de ouvirmos várias entidades, julgamos que foi a decisão mais sensata”, prosseguiu Delmino Pereira.

    O presidente da FPC considera que o adiamento ocorreu atempadamente, a um mês da data prevista para a quinta e última etapa.

    “Tivemos de avançar na altura certa, a Volta acabaria daqui a um mês, em 21 de fevereiro, e as equipas têm de ser informadas. Esta decisão foi ponderada, difícil, mas para a qual não tínhamos alternativa”, reconheceu.

    A organização avançou com as datas entre 05 e 09 de maio para a realização da 47.ª edição da Volta ao Algarve, aguardando a concordância dos parceiros da prova e da UCI.

    “Pensamos que sim [será viável realizar a prova em maio], mas, neste momento, todo o calendário velocipédico e desportivo está a ser reorganizado. Posicionámos a Volta ao Algarve, que é um evento ‘âncora’, já informámos a UCI, mas vai ter de ser confirmado, porque todo o programa desportivo vai ser alterado a nível mundial”, sublinhou.

    Delmino Pereira lamentou que a possível data não permita reunir um pelotão tão forte como em fevereiro, assegurando, mesmo assim, um elevando nível qualitativo.

    “Não, essa é uma circunstância que não será igual, porque todo o ciclismo muda. Mas é uma data que nos garante uma boa participação e mantém o traço, o alinhamento e o prestígio internacional que a prova atingiu”, rematou.

    Em 2020, a prova algarvia foi uma das últimas competições disputadas antes da interrupção devido à pandemia de covid-19, entre 20 e 24 de fevereiro, tendo sido conquistada pelo prodígio belga Remco Evenpoel (Deceuninck-QuickStep).

    FC Porto tem mais dois infetados com covid-19 DN 21/01 - Quinta, às 13:28

    Romário Baró e Nanu juntam-se ao lote de jogadores com testes positivos, que é neste momento de seis. Sérgio Conceição e Uribe estavam com sintomas mas os testes foram negativos.

    Volta ao Algarve adiada devido à pandemia TSF 21/01 - Quinta, às 12:46

    A organização da prova entende que "a evolução da situação pandémica em Portugal" não permite que esta seja realizada em fevereiro.

    Benfica não tem sabido gerir ruído exterior rr.pt 21/01 - Quinta, às 11:44

    António Pacheco recusa falar de uma época falhada e aconselha a uma concentração de esforços nas provas em que o Benfica continua a competir. Clube não tem sabido gerir regresso de Jesus, investimento de muito dinheiro e reeleição de Vieira, defende o antigo jogador.